o que é sandbox

A segurança da informação é uma das principais preocupações do mundo atual. Os invasores estão se desenvolvendo a cada dia que passa. Mas, felizmente, os softwares de proteção também estão sendo aprimorados, como é o caso do ainda pouco conhecido, mas altamente eficiente Sandbox.

A melhor forma de se evitar esse tipo de problema se dá pela detecção e eliminação de itens mal-intencionados e o Sandbox está se tornando uma alternativa interessante para evitar esse tipo de situação.

Ficou interessado? Então, continue a leitura deste artigo para conhecer mais sobre o Sandbox e as vantagens que esta ferramenta de segurança pode oferecer.

 

O que é Sandbox?

Antes de explicarmos o que exatamente é o Sandbox, é preciso deixar claro que o impacto negativo causado por um ataque de ransomware ou por qualquer outro tipo de malware pode ser crítico para um empreendimento. Além desses ataques, não podemos deixar de mencionar as invasões direcionadas, que envolvem códigos nunca vistos e/ou criados exclusivamente para afetar a sua empresa.

As soluções adotadas com mais frequência para se proteger dessas ameaças virtuais são a aquisição de um antivírus e de um anti-spyware. É importante salientar que para o bom funcionamento de um sistema de proteção, como uma das camadas de proteção, é utilizado o Sandbox. Esse é o nome dado a uma área de memória e disco virtualmente separada de todo o seu PC, que será utilizada para testar qualquer programa, sem preocupação com danos no sistema, caso algum arquivo mal-intencionado entre em ação.

Nessa área será executado, por exemplo, o anexo de um e-mail ou, até mesmo, um programa. A partir disso, haverá possibilidade de ser verificado o comportamento do programa, analisando se ele tentará alterar informações no registro do Windows ou outro arquivo sensível à segurança da máquina.

O termo Sandbox, quando traduzido para o português, significa “caixa de areia”, como aquelas existentes em parques para crianças. A ideia é fazer alusão ao fato de ficarmos observando as crianças brincando (no caso, os malwares “em ação”). Esse é um método complementar que os bons antivírus, anti-spywares e anti-spam utilizam, como uma camada extra de proteção.

 

Como funciona?

Como já destacado, o Sandbox pode ser considerada como uma camada essencial ao sistema de proteção. Isso pode ser explicado pelo fato de que esse sistema é capaz de concentrar suas operações em uma área restrita, onde todos os programas, registros e atividades que não sejam confiáveis podem rodar completamente isolados do sistema operacional do seu computador. Ou seja, o funcionamento do Sandbox se dá paralelamente a outros aplicativos para Windows.

Essa foi a maneira encontrada para isolar uma parcela de memória e disco rígido de sua máquina (ou do servidor em nuvem, dependendo do tipo de solução), evitando que interferências ou contaminações se tornem presentes nas demais atividades que estejam em execução.

Claro que a área virtualizada para o Sandbox consumirá certo recurso do computador, mas não se preocupe, pois não é nada que venha a atrapalhar o teste ou a performance da máquina. As principais interferências mais comumente apresentadas são referentes ao visual ou um pouco de lentidão na máquina (de acordo com o que o pessoal de TI configurou para o consumo do sistema de Sandbox). Para reduzir ainda mais o impacto de desempenho do computador, muitos sistemas de Sandbox roda na nuvem, dessa forma, tirando todo o processamento local.

 
Relatório do FBI sobre Fraudes por E-mail

 

Quais as vantagens?

Quando um arquivo malicioso é encontrado, o Sandbox é capaz de detectar a anomalia, evitando a entrega ao usuário de um arquivo contaminado. Essa é apenas uma das vantagens da utilização desse método. Veja outros pontos positivos, a seguir:

 

Remover malwares instantaneamente

Os registros e danos originados pelo arquivo executado dentro do simulador são apagados imediatamente, assim que o ambiente de testes for apagado. Muitas vezes, dependendo da inteligência utilizada no Sandbox, ela chega a simular o uso do programa ou da URL (que no caso de URL, chega a fingir cliques em links). E, caso o Sandbox seja na nuvem (em vez de local), o usuário não tem perda algum no desempenho da máquina.

 

Rodar programas desconhecidos com confiança

A princípio  o Sandbox analisa as ameaças de duas formas: Aplicação e URL. No caso de URL, é efetuado todos os testes sobre links de downloads, links de conteúdo, antes de chegar à sua máquina e no caso de aplicação/programa é feita a verificação de ocorrência de anomalias na execução do programa, tais como eventual alteração no registro do Windows, ou mudanças arquivo HOSTS, etc, dessa forma caracterizando-o como programa malicioso.

 

Garantir a eficácia

Apesar dos antivírus serem amplamente utilizados e terem funções importantíssimas, o Sandbox é complementar a esta tecnologia. O Sandbox também é utilizado junto a soluções de anti-spam (para análise de URL contidos nos e-mails, bem como análise de conteúdo de anexo).

Sua agilidade e sua capacidade de promover segurança ao identificar uma praga virtual é essencial para o bom funcionamento do anti-malware e anti-spam. Além disso, esse tipo de sistema apresenta menor fragilidade que outros serviços, tornando-o mais vantajoso.

 

Análise forense e Big Data

Em muitas vezes o Sandbox utilizado pela solução de anti-spam ou anti-malware fica na nuvem do fabricante, com isso, é possível que seja armazenado todo a base de comportamento em Big Data. Dessa forma quando um arquivo é analisado, antes de jogar no Sandbox, é verificado se o mesmo já não foi anteriormente analisado, e de acordo com o retorno (se já tiver sido verificado), é possível ver todo o histórico da ameaça, com informações relevantes, tais como: Qual o IP originário da ameaça, qual a finalidade do malware, quando foi detectado pela primeira vez, país de origem da ameaça, etc.

 

Promover a melhor relação custo x benefício

Vários sistemas de anti-spam disponíveis no mercado possuem preços em conta, mas é importante verificar se a solução apresentada inclui o sistema inteligente de Sandbox, que garante uma camada “extra” de proteção ao seu ambiente. O que deve ser analisado é o benefício agregado pela escolha da melhor proteção. É mais vantajoso pagar barato ou ter segurança aliada à agilidade? Pense nisso!

 

Diminuir tempo de trabalho

Contar com um bom sistema de proteção, tanto em nível de anti-malware, quanto em nível de anti-spam, gera inúmeros impactos positivos à gestão de um negócio. A equipe de TI deve considerar que ao utilizar sistemas com Sandbox, poderá prevenir diversos problemas rapidamente, que demorariam um bom tempo para serem resolvidos por meio de outros métodos.

 

Investir em credibilidade

Uma empresa que busca se proteger também protege seus clientes, correto? Dessa forma, sua credibilidade perante o mercado aumenta consideravelmente. Certamente, esse é o tipo de reputação que qualquer empreendedor procura, não é mesmo?

Estar à frente da concorrência, otimizar os resultados e garantir a inovação também são pontos interessantes, que merecem destaque. É válido destacar que nenhuma solução é 100% eficaz, mesmo com tantos recursos tecnológicos disponíveis.

De qualquer forma, o Sandbox pode ser considerado uma arma extremamente poderosa contra ciberataques, principalmente se aliado a produtos que possam aumentar o nível de segurança para a empresa e para seus clientes.

Concluindo, é preciso lembrarmos que nunca será possível eliminar todos os riscos de vulnerabilidade, pois, assim como os recursos tecnológicos avançam, os recursos mal-intencionados também evoluem.

Contudo, uma máquina que não possui um sistema Sandbox pode ficar exposta a vários outros riscos além dos citados, como a colisão de programas, ataques de malwares, programas com dependências diferentes, entre outros. Dessa forma, o desempenho dos profissionais da sua empresa poderá ser diretamente afetado, bem como as informações armazenadas. É importante levar isso em consideração ao escolher um bom sistema de proteção.

 
E aí, gostou do nosso artigo? O que achou do Sandbox? Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Então, entre em contato conosco que teremos prazer em ajudar.

Caso deseje ficar sempre atualizado sobre as melhores formas de proteger sua empresa de ataques digitais maliciosos assine a nossa newsletter ou siga-nos no FacebookTwitter e no Linkedin agora mesmo!